Looking for something?

Experimentando por aí
Experimentando por aí

O maior festival de carnes do Brasil “Festival Braseiro”

Você também gosta de churrasco? Já foi no Braseiro?
Tenho certeza que você nunca foi em algum desse tamanho.

E aí, meu fii! Beleza? Hoje é dia de contar como foi o Maior Festival de Carnes do Brasil – O Festival Braseiro. Já tinha ouvido falar, mas ainda não tinha tido o prazer de ir. Que festival sensacional, aliás, você vai ouvir a palavra sensacional algumas vezes. Foi animal, experiência foda! Preciso pedir desculpa antecipada pelo áudio, mas nosso equipamento teve uns problemas. Mas conseguimos registrar e mostrar pra você. Preciso agradecer ao Braseiro, a Renca e a Up Eventos pela moral. Agora é a hora de você dar aquele play maroto pra fortalecer com a gente. Se gostar, não esquece de compartilhar nas suas redes sociais. E nos dizer o que achou. 🍖🍺😋🎥

Recebemos o convite da Agência Renca e já não víamos a hora de chegar o dia de Experimentar o Festival Braseiro. Pegamos o UBER e fomos pra lá. Chegando no local já fomos nos ligando na grandiosidade da parada. De longe já dava de ver um portalzão com a marca da festa dando as boas vindas. 😉 Ah, uma coisa que é muito legal sobre o festival, é que o lucro é revertido para instituições. Isso é muito foda.

Entramos e aquilo ali parecia um parque de diversões pra quem gosta de carne, só carne animal. Celeiro, né! Então já sabe. De cara já tinha a Kombi da Cervejaria Louvada já pra abastecer o copo e entrar no clima. Logo em seguida já começavam as barracas de carne, ou melhor Estações de Carne e acho que a loja do evento, vi de longe e parece que tinham vários produtos bem maneiros (Caneca, Avental…). Mas voltando a falar das estações de carne, de cara já vi o Choripán com chimichurri, que estava sob o comando do Wilson do Rock Burger. Claro que experimentei, e o sabor, CAR&@*#%, gostoso demais, parece simples, mas é absurdo de tão gostoso. Não foi o primeiro que experimentamos, mas curti demais. Pra começar já fomos na estação Flinston e saímos tocando uma gaita boniiiiita. Maciazinha e deliciosa.

Seguimos mais um pouco e encontramos a estação da Larissa do canal Larica na Brasa, Maminha Angus com legumes confit de legumes no tutano. Cara, cê tá loco. Saboroso demais. Só tem que comer rápido pra não esfriar, mas estava sensacional.

Logo depois fomos pra Carne de Sol de cordeiro, Mandioca cozida, molho e geleia de pimenta, sob o comando do Chef Ricardo Vieira. Meu Deus do céu a carne tava macia e gostosa demais e quando passava na geleia de pimenta, puuuuutzzz. Tô com água na boca de novo escrevendo pra você. Por falar em água na boca, tinha muita Choppinho Louvada pra galera. Eu sou suspeito pra falar da Louvada, até escolhemos presentear os padrinhos do nosso casamento com ela. Só não vai ter na festa, pois ficaria fora do nosso orçamento pela quantidade de convidados. Aúfa de gente!

Não iríamos conseguir experimentar tudo, mas seguimos na luta. Era hora de ir no Tomahawk da Renca, com o João Barros no comando. Galera animada e a carne absurdamente saborosa. Gostosa pra Caralho! Bem ali pertinho tinha a Carne de sol e farofa de manteiga de garrafa (paçoca). A carne demais de gostosa e o contraste da paçoquinha era como se estivéssemos chegando no paraíso. Demais de bom.

Enquanto tudo isso rolava, no palco tiveram 3 shows fodas, mas quero destacar o do Denner e Douglas que arrebentaram e deram uma moral absurda pra gente. Parabéns pelo som e muito obrigado pelo carinho.

Chegamos no fim, mas precisamos agradecer ao Douglas Bastos que trampa comigo e me deu a dica de colocar o selinho do áudio cagado. Valeu Guri! A Agência Renca, Up Eventos, Celeiro e Festival Braseiro pelo convite. EVENTO FODA! Parabéns. Já até falei pro João Barros que quero ser churrasqueiro no próximo. Muito obrigado pela leitura, espero que tenha gostado. Se achar que deve, compartilha com sua galera. Se foi no Braseiro publique com a #experimentandoporai e/ou marcando @experimentandoporai no Instagram ou em qualquer rede social, nos contando como foi.

E aí, vamos experimentar?

Ficha técnica:

  • Marquinhos (apresentação, imagens e edição);
  • Maria Helena (participação e direção).